NOTÍCIAS DO PLÁSTICO

 

. : :: ::: :::: Acidentes :::: ::: :: : .

 

09/09/2011

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Funcionário morre ao ter a cabeça prensada em molde de injetora no RS

Jardel Westphalen Brizolla, 22 anos e natural de Palmeira das Missões/RS, morreu no dia 24/09 ao ter a cabeça prensada pelo molde de uma injetora em uma fábrica de componentes de calçados localizada em Sapiranga/RS.

25/09/2011

Ele e o colega de trabalho Anselmo Fortes Chaves, de 51 anos, estavam sozinhos na empresa fazendo os últimos ajustes antes de desligar as máquinas e encerrar o expediente. Enquanto Chaves fechava a injetora que trabalhava, Brizolla realizava o mesmo procedimento na outra máquina. “De repente ouvi um estouro e quando olhei vi que ele estava com a cabeça prensada na injetora”, lembra. Quando Chaves abriu o molde, o corpo do rapaz caiu para trás, já sem vida. “A gente ainda se reuniu hoje (24/09/11) para fazer um churrasco aqui na firma”, lamenta.

 

 

 

 

 

 

O local da tragédia foi interditado

 

Brizolla era amigo do proprietário da empresa, Lucas Ferreira da Silva, 26. “Não dá para entender o que aconteceu. Eu que trouxe ele pra trabalhar aqui. Ele era meu amigo”, disse Silva. 

A morte causou comoção nos colegas de trabalho que se reuniram no pátio da empresa ao tomarem conhecimento da fatalidade. O jovem era considerado trabalhador, alegre e comunicativo. O funcionário tinha uma namorada de 16 anos e no final do ano os dois pretendiam morar juntos. Um amigo da família foi para Palmeira das Missões, distante cerca de 380 km do local da tragédia, comunicar a morte aos pais de Brizolla.

Fonte: Jornal NH (25/09/11)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Funcionário da Link Plásticos morre ao limpar aglutinador

 

Alessandro Santana Alves, 31 anos, funcionário da empresa Link Plásticos, situada na rua João Pedro Blumenthal, 635, na Cidade Satélite de Cumbica em São Paulo-SP, morreu pouco antes das 6 horas da manhã do dia 6 de setembro ao limpar um aglutinador e ser triturado por suas hélices.

De acordo com a empresa, a máquina não é antiga e foi comprada há dois anos, sendo que o equipamento só funciona com a tampa fechada. Porém, no momento do acidente a tampa estava aberta, ou seja, o dispositivo de segurança falhou. 

O diretor do Departamento de Saúde, Segurança e Meio Ambiente do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Químicas de Guarulhos e

Região (Sindiquímicos), Nelson Agostinho de Oliveira, frisou que o departamento jurídico do sindicato fará o acompanhamento do caso junto com a família de Alves, que era contratado da empresa há oito meses.

A Link Plásticos S/A fabrica compostos de PVC, para indústria automobilística, hospitalar, calçadista, construção civil, brinquedos, ferramentas, embalagens. A empresa funciona há 11 anos no local e tem mais de 45 anos de fundação.

Fontes: Força Sindical (06/09/11) / G1 (07/09/11) / Guarulhos Web (09/09/11)

 

 

© 2010-2011 - Tudo sobre Plásticos. Todos os direitos reservados.

Página inicial - Política de privacidade - Contato