Queda de balão provoca incêndio na Intercolor, em SBC/SP

Empresa operava há 27 anos e tinha 77 funcionários; dono lamenta prejuizo e impunidade

18/06/2019



Um incêndio de grandes proporções atingiu a fábrica de plásticos Intercolor no fim da noite de sábado na estrada Eije Kikuti, 300, em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo.


Segundo o Corpo de Bombeiros, que chegou a estar com 17 viaturas no local, a causa foi a queda de um balão no telhado da indústria. Não houve informações de vítimas.

Fabricar, comercializar, transportar e soltar balões é crime, conforme a lei federal 9.605/1998 – com punição de até três anos de detenção e multa –, mas o Grande ABC testemunhou o incêndio que destruiu a Intercolor Indústria e Comércio de Plásticos, em São Bernardo.

Entre 2017 e 2018, cresceram em 48,19% os registros de queda de artefatos do tipo só no entorno do Polo Petroquímico de Capuava, na divisa entre Santo André e Mauá, ao passarem de 83 para 123.

O fogo em São Bernardo foi tão intenso que os bombeiros só conseguiram controlá-lo às 5h de ontem. Foram quase seis horas de trabalho, 17 viaturas e 70 profissionais envolvidos.

O dono da fábrica, Isaac Lerer, 70 anos, ainda não sabe mensurar o que foi perdido. “Acredito que foram cerca de 200 toneladas de matéria-prima e 45 toneladas de material trabalhado pronto para ser entregue”, disse. “Em valores, ainda não faço ideia.”

Fonte: UOL e Diário do Grande ABC (16 e 17/06/2018)


© 2010-2019 - Tudo sobre Plásticos. Todos os direitos reservados.
Página inicial - Política de privacidade - Contato


TSP Messenger Minimizar  Aumentar
Para usar faça LOGIN ou CADASTRE-SE
Digite aqui: Enviar